em Moda

Oiii meus amores!!! Continuamos com as semanas de moda internacional, elas acontecerem em fevereiro trazendo muitas tendências incríveis, como já contei pra vocês no post passado do Fashion Week de Nova York, e agora é a vez de Londres mostrar as suas propostas para o Inverno 2019.

Estou muito contente em poder compartilhar tudo sobre esse assunto com vocês, porque sou apaixonada por este mundo da moda.

A moda inglesa é extremamente elegante e cool ao mesmo tempo, o que mais me encanta nas passarelas londrinas é que os estilistas se permitem brincar um pouco mais com a moda, abusando das propostas conceituais.

Escolhi também para vocês alguns desfiles que mais gostei na London Fashion Week.

BURBERRY

Para quem ainda não sabe, a Burberry é famosa por alguns elementos da marca como o trench coat e a estampa xadrez que sempre fazem sucesso na grife, e é claro que eles estavam presentes neste desfile também, porém com uma visão mais contemporânea. O lado street dominou a passarela com slip dress, casacos e um toque sportswear. Ricardo Tisci mostrou que veio modernizar a tradicional marca inglesa em sua segunda coleção à frente da marca.

 

 

VICTORIA BECKHAM

 A especialista do estilo chique e sóbrio, assídua nas passarelas novaiorquinas, comemorou no ano passado os 10 anos de sua marca desfilando pela primeira vez em Londres. Trazendo uma visão moderna à feminilidade, Victoria explorou shapes diferentes na sua tradicional alfaiataria. Os toques de cores vibrantes nos looks os tornam mais interessantes e atuais, um ótimo truque de estilo para usar nas produções do trabalho. Destaque para as sock boots peep toe, abertas na frente, que complementaram perfeitamente o estilo moderninho que a estilista buscou trazer.

 

VIVIENNE WESTWOOD

Uma das mais respeitadas estilistas mundiais e responsável pela moda punk mostrou mais uma vez, que moda também é uma plataforma de protesto e uma forma de expor suas opiniões. Vivienne em seu desfile alertou sobre a importância da sustentabilidade e de adotarmos atos sustentáveis no nosso dia a dia, inclusive na questão moda. Muitas peças vieram com mensagens sobre política, imprensa e outros assuntos pertinentes na atualidade. E na questão fashion, a estética punk da marca esteve presente, junto com outros elementos característicos da grife como os vestidos com corsets.

 

 

ROKSANDA

Formada pelas escolas de moda de Londres, Roksanda tem sua marca presente em 40 países e veste regularmente estrelas e celebridades como Kate Middleton. Suas roupas são altamente românticas, mas nunca insípidas ou sentimentais. Reconhecida por sua habilidade para criar combinações de cores sutis e harmoniosas, a estilista elegeu uma paleta de cores dominada pelo marrom, pelo dourado e pelo fúcsia. Os vestidos são longos, fluidos e refinados, ajustados na cintura e nos ombros ao estilo das togas romanas. A gabardina, a seda e o cetim dominam as peças utilizadas por ela para suas criações comedidas, quase geométricas, herança dos anos em que estudou arquitetura, antes de se encantar pela moda.

 

 

SIMONE ROCHA

A estilista trouxe um desfile diversificado, com diferentes idades, etnias e formato de corpo. Sua inspiração principal foi à artista Louise Bourgeois, que a ajudou a se conectar com o corpo humano. Bordados e estampas de teia de aranha foram usados em algumas peças como casacos e vestidos com a colaboração da fundação Louise Bourgeois. As peças como Trench coats são sobrepostos com camadas de organza transparentecorpetes, sutiãs e bloomers. Peças com muitas misturas de tecidos e texturas. Além de volumes como alguns em balonê. E uma das surpresas do desfile foi à atriz americana de 44 anos Chloe Sevigny. Ícone da moda, ela entrou com um vestido branco e uma bota preta aveludada de cano alto e salto plataforma.

 

Beijinhos da Ju

Instagram: @julianasaraiva_oficial
Facebook: JuSaraivaOficial
Youtube: Juliana Saraiva

Postagens Recentes

Deixe um Comentário